SEJAM
BEM-VINDOS


17 de mar de 2010



Engenheiro ambiental
Engenheiros ambientais são profissionais responsáveis por avaliar a dimensão das alterações benéficas ou prejudiciais ao meio ambiente causadas pelas atividades do homem. Adotam procedimentos capazes de minimizar os impactos indesejáveis em escala local, regional ou global. Participam de estudos que visam a fazer o levantamento das características do meio ambiente para analisar suas reações às possíveis mudanças. Preparam relatórios sobre os impactos de certas atividades sobre o meio e ainda propõem, implementam e acompanham medidas ou ações de preservação do meio ambiente nas áreas urbana e rural. Por meio de projetos que aliam desenvolvimento econômico e preservação da natureza, os engenheiros ambientais promovem a chamada sustentabilidade, ou seja, a manutenção dos recursos naturais, mas que permite o crescimento da economia.

Características necessárias para ser um ambientalista
O engenheiro ambiental precisa ter interesse em tudo que diga respeito ao meio ambiente. Deve gostar de atividades ao ar livre, ter atenção concentrada, espírito de observação, se manter atualizado e ser meticuloso. Deve ser agil, detalhista e capacidade de comunicação e de organização. Além disso, deve ter criatividade e facilidade para matemática.

Principais atividades de um ambientalista
Engenheiros ambientais exercem, basicamente, as seguintes funções:
avaliar a dimensão do impacto ambiental causado por obras de construção civil de todos os tipos e portes; verificar a adaptação da obra ao meio ambiente ao longo da construção; elaborar relatórios sobre esse impacto, levando em conta dados processados por sensoriamento remoto, levantamentos fotográficos aéreos, mapeamento e cartografia digital; realizar pesquisas em laboratório e medições em campo sobre poluição do solo, da água e do ar;
elaborar projetos de planejamento ambiental; tornar empresas compatíveis às normas nacionais e internacionais de padrão e qualidade industrial relativas ao meio ambiente. Planejar e viabilizar a recuperação de áreas degradadas; na indústria, indicar o destino final dos resíduos (sobras e despejos industriais); elaborar projetos de saneamento básico (esgoto).

Mercado de trabalho
As perspectivas de trabalho para os engenheiros ambientais são bastante promissoras. Nos próximos cinco anos deverão formar-se centenas de especialistas na área e a expectativa é de que esses profissionais sejam rapidamente absorvidos pelo mercado. A crescente conscientização da população em relação à necessidade de preservação do meio ambiente e a demanda internacional para que empresas se enquadrem às normas internacionais de qualidade abrirão muitas oportunidades para a categoria.


Biomedicina
Os biomédicos são profissionais que se dedicam à pesquisa biológica aplicada à prevenção, diagnóstico e tratamento de doenças, conduzindo experiências acerca dos efeitos de medicamentos, hormônios, soros e outras substâncias em órgãos, tecidos e funções vitais do organismo humano. Suas invenções e descobertas aliam o rigor científico da pesquisa pura com as exigências práticas do tratamento médico de pacientes vítimas das mais diversas patologias. Esse profissional deve ter consciência no auxilio de diagnóstico com o objetivo da saúde do paciente.

Características necessárias para ser biomédico
É necessário ter memória apurada, capacidade de concentração, exatidão, meticulosidade, iniciativa e perseverança. Deve estar sempre atento à detalhes, capacidade de análise e concentração e observador. É interesante que tenha habilidade para trabalhar em equipe e interesse pelas ciências.

Principais atividades de um biomédico
As atividades dos biomédicos incluem: controlar o setor técnico de laboratórios de análises clínicas, fixando os procedimentos de exame a serem cumpridos, desde a coleta do material a ser analisado até a determinação do laudo final, passando pelos processos de estocagem e análise das amostras biológicas coletadas. Isolar e identificar vírus, bactérias e outros agentes patogênicos, determinando as condições que favorecem ou detêm o seu crescimento e reprodução no organismo
humano, propondo o controle médico adequado a cada caso. Pesquisar novos remédios e determinar os efeitos de medicamentos já existentes, comparando resultados das provas efetuadas em animais de laboratório com os resultados das experimentações clínicas, determinando a aplicação e dose adequadas desses medicamentos no tratamento de doenças.
utilizar instrumentos, equipamentos e materiais de pesquisa biomédica, como microscópios, computadores, refrigeradores, balanças de precisão, centrifugadoras, tubos de ensaio, pipetas, reagentes químicos e colônias de microorganismos. Promover o cumprimento das normas de segurança que regem as atividades em laboratórios, controlando inclusive a estocagem, manuseio e destinação final de materiais que apresentam risco de contaminação biológica.
operar equipamentos e sistemas médicos em diagnóstico por imagem - radiodiagnóstico - ou tratamento por radioterapia. Redigir artigos para revistas especializadas e projetos de pesquisa para as agências que financiam a atividade científica no país.
Algumas áreas de atuação para este profissional são:
Biotecnologia - Manipulação de substâncias, microorganismos, animais e plantas, visando à criação de produtos benéficos à saúde humana, como por exemplo, vacinas;
Ecologia - Estuda as relações entre os seres vivos e o meio ambiente;
Genética - Investigação das leis de hereditariedade e estudo dos processos de intervenção nesta área através da Engenharia Genética;
Anatomia - Estudo da forma e da estrutura dos organismos vivos e de suas partes em separado;
Biofísica - Investigação dos processos fisiológicos dos seres vivos, aliando os conhecimentos da Física aos da Biologia;
Biologia Molecular - Estuda a estrutura a as funções dos organismos celulares; pesquisa sobre o papel das proteínas e dos genes no desenvolvimento do organismo;
Bioquímica - Estudo das substâncias e dos processos químicos nos organismos vivos;
Farmacologia - Pesquisa sobre os fatores físicos e químicos que afetam os animais e vegetais; desenvolve medicamentos e analisa os fatores químicos e físicos que afetam animais e vegetais. É uma atividade centrada principalmente em laboratórios, seja de institutos de pesquisa, seja da indústria farmacêutica;
Parasitologia - Estudos dos parasitas de animais e vegetais;
Patologia - Estudo das doenças, seus diagnósticos e tratamento em animais ou vegetais.
Psicobiologia - Estudo das drogas que atuam no sistema nervoso central, como por exemplo, psicotrópicos e antidepressivos.

Mercado de trabalho
O mercado de trabalho na área de biomedicina é amplo e muito promissor. A maioria dos recém-formados inicia a carreira no setor privado trabalhando em laboratórios particulares de análises clínicas.


Bombeiro
Profissionais das forças de segurança pública dos estados que, como soldados, cabos, sargentos ou oficiais, são responsáveis pelo combate a incêndios, pela preservação do patrimônio ameaçado de destruição, pelo resgate de vítimas - de incêndios, afogamentos, acidentes ou catástrofes - e pela conscientização da população sobre medidas de segurança contra incêndios, além de realizarem a perícia - investigações sobre a origem do fogo.

Características necessárias para ser um bombeiro
Desejo de servir a população e salvar vidas, excelente condicionamento físico e equilíbrio emocional para lidar com as situações mais adversas, são requisitos indispensáveis para quem pretende se tornar bombeiro. Deve ter autocontrole, boa disposição física, boa saúde, capacidade de cumprir ordens e determinações, capacidade de decisão, capacidade de pensar e agir sob pressão, dentre outros, deve ser coragem e ter habilidade para trabalhar em equipe.

Principais atividades de um bombeiro
Bombeiros podem exercer suas atividades em prédios, montanhas, rodovias, ferrovias e na água, salvando afogados ou recuperando corpos.
No exercício dessas atividades, cabe ao bombeiro: realizar serviços de prevenção e extinção de incêndios; realizar serviços de busca e salvamento; prestar primeiros socorros a acidentados em qualquer ambiente; realizar perícia de incêndio; prestar socorro no caso de inundações, desabamentos ou catástrofes, sempre que haja ameaça de destruição de patrimônio, vítima ou pessoa em iminente perigo de vida; fiscalizar o cumprimento da legislação referente à prevenção contra incêndios em prédios residenciais e estabelecimentos comerciais; desenvolver campanhas de educação da comunidade, com palestras em empresas e escolas, visando a despertar a consciência do cidadão para problemas relacionados à prevenção de incêndios; orientar a comunidade sobre o cuidado com piscinas, acidentes caseiros, fogos de artifício, balões, elevadores e até insetos e cobras; em caso de mobilização do Exército, cooperar no serviço de defesa civil.

Áreas de atuação e especialidades
Esta é uma profissão com uma área de atuação bastante restrita. Alguns bombeiros fazem trabalhos extras e trabalham com salva-vidas em estabelecimentos privados como clubes ou hotéis, ou então dando cursos básicos não profissionalizantes para amadores e realizando palestras.

Nenhum comentário: