SEJAM
BEM-VINDOS


22 de jun de 2010

Frases para refletir!

O auto-esvaziamento prepara o transbordamento espiritual.
Richard Sibbes

Toda ação de nossa vida toca alguma corda que vibrará na eternidade.
E. H. Chapin

Os homens só começam a crescer quando começam a adorar.
Calvin Coolidge

Adorar a Deus é compreender o propósito com o qual Ele nos criou.
Herbert M. Carson

As mais doces bênçãos são conseguidas com oração e usufruídas com ação de graças.
Thomas Goodwin

O álcool jamais afoga as mágoas; somente as irriga.
Anônimo

O jovem que faz pose com um copo de bebida na mão faria bem em considerar qual dos dois deveria jogar fora: a bebida ou ele próprio.
Anônimo

A alegria é o resultado natural da obediência do cristão à vontade revelada de Deus.
A maior prova de nosso amor a Cristo é a obediência às leis de Cristo... O amor é a raiz; a
obediência é o fruto.
Matthew Henry

O começo da ansiedade é o fim da fé; e o começo da verdadeira fé é o fim da ansiedade.
George Muller

Se você quer fugir de Deus, o diabo lhe emprestará tanto as esporas como o cavalo.
Thomas Adams

Se deixarmos passar o tempo para nos arrependermos, ficaremos arrependidos para sempre de termos deixado passar o tempo.
Thomas Adams

Não há outra forma de viver esta vida cristã a não ser mediante uma contínua morte para o eu.
François Fenelon

Deus cria a partir do nada. Portanto, enquanto o homem não se reduzir a nada, Deus não poderá fazer nada com ele.
Martinho Lutero

Atualidades do Mundo Gospel

Kaká e a fé (22/06/2010)
Dois dias depois de ser expulso na partida contra a Costa do Marfim, Kaká apareceu sorridente para dar entrevista coletiva no golfe clube anexo ao QG da Seleção em Johannesburgo onde mais de 300 jornalistas o esperavam.

Diferentemente dos dias anteriores, em que os jogadores vieram em duplas "enfrentar" o microfone, Kaká apareceu sozinho com 40 minutos de atraso um problema durante o almoço dos jogadores teria sido o culpado.
Respostas curtas e sorridentes antecederam a pergunta do jornalista André Kfouri, da ESPN Brasil. Kaká mudou. Usou a pergunta para demonstrar sua irritação com a notícia divulgada pelo pai daquele jornalista, Juca Kfouri cujas fontes médicas garantiram, segundo publicou em sua coluna da "Folha de S. Paulo", ter Kaká a mesma contusão que antecipou aposentadoria do ex-tenista Guga.
Kaká mudou a expressão e mandou seu recado: “O jeito que seu pai, o Juca Kfouri, me ataca não é um motivo profissional. É pelo fato de eu ser um seguidor de Jesus Cristo. Da mesma forma que eu o respeito como ateu, ele tem de me respeitar como um seguidor de Jesus Cristo”, falou o jogador, que é frequentador da Igreja Apostólica Renascer em Cristo.O Kaká "bom moço" também foi firme para responder sobre a terceira expulsão de sua carreira.
Perguntado por essa que vos escreve sobre os "nervos" alterados na partida contra a Costa do Marfim de alguns dos jogadores da Seleção Brasileira, emendou: "Não somos violentos, mas nao temos sangue de barata. Quando o jogo obriga divididas mais duras, estamos prontos."


Trailer de As Crônicas de Nárnia: A Viagem do Peregrino da Alvorada já esta disponível. (18/06/2010)

O trailer do terceiro filme das Crônicas de Nárnia já pode ser assistido pela internet. O filme, que é baseado no livro homônimo do escritor cristão C.S. Lewis conta a história dos irmãos Pevensie, escolhidos para viajarem à Nárnia.

Por meio de um quadro com o desenho de um navio os irmãos Lúcia e Eduardo e o primo reclamão Eustáquio vão à Nárnia auxiliar o Príncipe Cáspian, onde conhecem o corajoso rato Ripchip. É neste livro que o leão Aslam começa a revelar às crianças sua identidade divina.
As Crônicas de Nárnia compõem-se por sete livros escritos para crianças. Em todos eles a imagem de Jesus como um leão mostram assuntos ligados ao cristianismo de uma maneira lúdica descritos por metáforas.
Além das Crônicas de Nárnia, C.S.Lewis, que também era professor de literatura das Universidades de Cambrigde e Oxford (Inglaterra) no início do século XX, escreveu 33 livros falando sobre Jesus, vida com Deus e verdadeiro cristianismo. Dentre os mais famosos destacam-se Cristianismo Puro e Simples, A Anatomia de uma Dor: Um Luto em Observação, Cartas de Um Diabo ao seu Aprendiz, O Problema do Sofrimento e Os Quatro Amores.

Assista o vídeo:


12 de jun de 2010

Uma lição para a vida!!


Meditação: Por que você está assim tão triste, ó minha alma? … Ponha a sua esperança em Deus! Pois ainda o louvarei. (Salmo 42:5)
Pensamento: Aprenda com seus fracassos, senão você vai fracassar em aprender
Leitura: Salmo 42


Mensagem: O orador de uma cerimônia de formatura era o presidente de uma grande empresa. Ele foi o convidado escolhido por causa de seu sucesso. No entanto, o discurso aos formandos foi totalmente incomum. O orador disse aos estudantes, sentados diante dele em suas becas de formatura: "Se eu pudesse desejar uma coisa para vocês, que saem ao mundo, seria isto: eu espero que vocês fracassem. Espero que vocês fracassem em algo que seja importante para vocês". E o orador falou de como a sua própria vida, quando jovem, havia sido de um fracasso após o outro, até que ele aprendeu a ver o fracasso como um professor eficaz. Muitos dos cânticos de Israel surgiram em épocas de fracasso. Do fundo do desespero surgiu o clamor: "Como a corça anseia por águas correntes, a minha alma anseia por ti, ó Deus. A minha alma tem sede de Deus, do Deus vivo" (Salmo 42:1-2). Às vezes acontece de nós só estarmos preparados para ver as maravilhas da sabedoria e da força de Deus depois de chegarmos ao ponto de quase não podermos mais respirar, depois de termos esgotado as nossas próprias forças. Esta é uma história que se repete na Bíblia: montanhas de fé surgem nos vales de fracassos. Antes de descobrirmos as alturas que estamos procurando, talvez precisemos ver o fracasso dos sonhos que guardamos em nossos corações, e confiar no amor, sabedoria e orientação de nosso Deus.

Psiu, fica quietinho!

"Espera no SENHOR, anima-te, e ele fortalecerá o teu coração; espera, pois, no SENHOR". (Salmos 27:14)

Nós podemos até não aprender por completo a sermos pacientes quanto ao fator "Espera", mas melhoramos bastante!

O salmista afirma: "Espera no Senhor". Qual o propósito divino em nos fazer aguardar pacientemente suas promessas?

A espera nos ensina a dádiva da dependência. Você pode rapidamente se inclinar para um estilo de espiritualidade arrogante se alcançar com facilidade tudo o que quiser. O Senhor então te prova com o tempo. A espera te mantém na dependência, reconhecendo com humildade que você precisa da graça divina.

A espera te tornará uma pessoa paciente. A impaciência destrói relacionamentos (quantos namoros você desfez por cobranças impacientes?). Para nos purificar dessa atitude mesquinha, Deus parece demorar em agir em algumas coisas que sabemos que Ele poderia realizar em instantes. Nesse intervalo, vamos sendo modelados e a paciência vai sendo formada em nosso caráter.
A espera é um termômetro para Deus nos revelar se de fato dependemos dEle. Quando você murmura por algo que ainda não ocorreu, você está dizendo, de modo espiritual, que Deus não merece sua confiança. Que você o considera incapaz de estar liderando sua vida. É por isso que você anda aguardando tanto.

Comece a descobrir o prazer de viver uma vida de constante confiança em Deus, livre de preocupações com coisas que você sabe que podem ficar em segundo plano. Só daí você descobrirá a verdadeira liberdade, a graça de viver sob o cuidado do Pai Celestial.

O Senhor te diz: "Espera! Seja dependente! Seja paciente! Confia em mim! Sou tudo o que você precisa, e o mais a meu tempo acrescentarei!" Esperar é o segredo!
Evangélicos e pastores se unem contra a proibição às manifestações religiosas imposta pela Fifa (11/06/2010)
As normas vigentes na Fifa sobre as proibições de manifestações religiosas, que serão válidas também na Copa do Mundo da África do Sul, desagradaram a Associação de Pastores Evangélicos do Paraguai (Apep).

A associação, que reúne quase 1.800 pastores evangélicos, informou em comunicado sobre sua postura “após receber correspondências e ligações telefônicas de diferentes países nas quais expressam a preocupação pela suposta proibição de orar durante o Mundial da África do Sul”.
O documento menciona que “tal proibição é atribuída ao presidente da Fifa, Joseph Blatter”, que, segundo o texto, “teria manifestado que a oração incentiva a violência”. A Apep sustenta “que a oração nunca foi motivo para incentivar a violência” e que a mesma “incentiva a amizade, a fraternidade, a unidade, a tolerância e a paz”.

“Também recebemos a denúncia de que a Fifa proibiria, por exemplo, que um jogador mostre uma camisa com alguma inscrição relacionada a sua fé”, diz outro parágrafo do comunicado. “Isto também é inadmissível, porque atenta contra a liberdade religiosa e a liberdade de consciência, direitos consagrados em todas as Constituições Nacionais dos cinco continentes”, afirma a Apep.
Finalmente, os pastores evangélicos paraguaios, cujo país participará pela quarta vez consecutiva de um Mundial, solicitaram “encarecidamente às autoridades da Fifa, no caso que as denúncias que fazemos sejam verídicas, que deixem sem efeito as supostas proibições da oração e expressão de fé durante” a competição.

Imagem de Jesus no ventre materno gera polêmica sobre aborto (10/06/2010)
Algumas igrejas protestantes da Inglaterra estão fazendo uma campanha para promover o Natal, através de uma imagem de uma ecografia de Jesus no ventre materno, coroado com uma auréola, noticia o “Daily Mail”.

A imagem, onde se lê “Ele está a caminho”, está gerando polêmica, pois alguns grupos acreditam que pode mergulhar a Igreja num aceso debate contra o aborto.
“É o tipo de imagem usado pelos ativistas anti-aborto e espero que a Igreja da Inglaterra não esteja tentando usar o poster de campanha de Natal para marcar uma posição política”, afirmou Terry Sanderson, da Sociedade Nacional Secular.
No entanto, o diretor da Sociedade Protetora das Crianças Não Nascidas, manifestou desejos que a imagem funcione como uma mensagem contra o aborto. “Esta imagem envia uma mensagem poderosa a toda a gente na Grã-Bretanha, onde 570 bebês são mortos todos os dias no ventre materno, sob a lei do aborto. Cada vez que matamos uma criança num aborto, estamos a matar Jesus”, defendeu.

Jobson, de volta ao futebol, depois de ser suspenso por usar drogas: “Meu psicólogo é Deus” (10/06/2010)
Disputado por Flamengo e Botafogo, Jobson não a vê a hora de ser anunciado por um dos dois clubes cariocas. O atacante está treinando regularmente com o time B do Brasiliense na expectativa de decidir o seu futuro até esta sexta-feira (11/06/10). Em meio a reuniões com o presidente do Jacaré, Luis Estevão, e com o empresário Antenor Joaquim, ele não estabeleceu preferência pelo Rubro-Negro nem pelo Alvinegro. Mas deseja dar a volta por cima no Rio de Janeiro.

- Estou mais experiente e maduro. A minha cabeça se encontra bem melhor. Agora vou pensar antes de agir. Passei a ser uma pessoa totalmente de Deus – afirmou o atacante, que se converteu a uma igreja evangélica.
Flagrado em dois exames antidopings nas últimas rodadas do Campeonato Brasileiro do ano passado, Jobson foi punido com seis meses de suspensão pelo STJD, em segunda instância, por uso de cocaína. O gancho do jogador termina no próximo dia 20 de julho, e ele acha que não demorará muito a entrar em forma.
- Estou bem fisicamente. Só preciso de três ou quatro jogos para ganhar ritmo de jogo – declarou.
Para os céticos, Jobson garante que está livre das drogas e não precisa de acompanhamento médico.
- Meu psicólogo é Deus. Nunca mais usei drogas. Também não bebo mais cerveja nem vinho. Só refrigerante, que também quero parar porque faz mal.
O jovem atacante, de 22 anos, tem contrato com o Brasiliense até dezembro de 2012. No entanto, Botafogo e Flamengo pretendem adquirir 60% dos direitos federativos do atleta. Ambos os clubes estudam colocar uma cláusula no contrato do jogador, caso ele volte a usar drogas.

11 de jun de 2010

Coral Gospel emociona na Abertura da Copa do Mundo 2010!!

Um coral gospel marcou presença em um grande concerto com vários artistas internacionais, como Shakira, Alicia Keys, Juanes e Black Eyed Peas foi celebrado nesta quinta-feira, às 15h (de Brasília), no estádio Orlando, em Soweto, na véspera da rodada de abertura da Copa do Mundo da África do Sul.
Na abertura da Copa do Mundo 2010, o Soweto Gospel Choir se apresentou junto com Angelique Kidjo logo na abertura dos festejos. A apresentação do coral foi um tributo as raízes, esperanças e sonhos sul-africanos e além de animar, emocionou aos telespectadores com a letra alegre e contagiante.

Coral Gospel Soweto Gospel Choir
O Coral Sul Africano Soweto Gospel Choir tem provado ser uma força capaz de influenciar as mais diversas culturas do continente africano através da música gospel. As exuberantes vozes de Soweto Gospel Choir (na maioria das vozes a capela) estão conquistando audiência em todo o mundo. Eles tem espalhado mensagens de amor, alegria e esperança as pessoas, independentemente da sua cor, língua ou fé.

O coral ganhou o apoio até de Nelson Mandela, uma das mais influentes personalidades negra da história recente. O Soweto Gospel Choir tem conquistado platéias desde 2005, quando conseguiu a primeira posição na Billboard, além disso, antes já havia conquistado o título de melhor coral internacional em 2004 no Gospel Music Award.
Suas performances se destacam pelas vozes incomparáveis, onde podemos claramente ouvir o timbre diferenciado, vozes além de suas roupas tradicionalmente coloridas e dança.
Confira a apresentação do Coral Gospel Soweto na abertura da Copa do Mundo 2010, África do Sul:


À moda antiga ou liberal: o namoro na visão da Igreja

Líderes de diferentes denominações explicam como tratam o assunto com os jovens.

Apaixonar-se e relacionar-se com o sexo oposto é uma necessidade de todos, inclusive de jovens cristãos. Mas o que aconselhar a esses casais? Líderes de diferentes denominações tratam o assunto de forma variada. O pastor Samuel Farias, líder dos jovens da Comunidade Evangélica de Campina Grande (PB), conta que fez o “namoro de corte” e defende a prática, na qual os namorados não mantém contato físico, nem mesmo o beijo, até o casamento.


“Namoro de Corte”
“Conheci minha
esposa, ficamos amigos e iniciamos um relacionamento de observação mais aproximada. Noivamos em junho de 1995 e nos casamos um ano depois. Eu já era líder na igreja quando ouvi falar deste tipo de relacionamento. No início fui contra, mas depois de estudar a Palavra de Deus e não encontrar base bíblica para a prática do namoro com o qual eu estava acostumado, aderi a esta idéia. Casei com minha melhor amiga e o primeiro beijo foi no dia do nosso casamento”, conta Farias.
Em entrevista, o pastor explicou o objetivo do namoro de corte: “Queremos, para os solteiros, um relacionamento sem carícias, beijos, sensualidade, dependência emocional, chantagens emocionais, ciúmes, isolamento social. A ideia é que os jovens sejam movidos por princípios bíblicos e não por impulsos da paixão, sexualidade ou pressão cultural. Buscamos um relacionamento focado na amizade e no conhecimento mútuo”.
Farias afirmou que manter um namoro sem contato físico não é fácil, mas que a “corte” livra os jovens de “atropelos e embaraços”, assim como aconteceu com ele.



“Tempo de oração”
Diferente do namoro de corte, algumas igrejas optam por aconselhar aos jovens que orem por um período antes de qualquer envolvimento. Os casais que desejam se conhecer melhor vão até o líder para que ele determine um tempo de oração. Segundo Avelino Júnior, pastor da Igreja Bola de Neve em Registro (SP), o objetivo principal do período de oração é buscar em Deus se o sentimento no coração dos jovens é paixão ou amor, ou seja, se este despertar para o inicio do relacionamento possui a motivação correta.
“O tempo de oração serve para buscar em Deus se é ou não de Sua vontade dar início ao namoro, portanto, ainda não estão namorando. Porém, durante este período há o compromisso de respeitar, então se o rapaz está orando por uma moça, não pode orar por outra. Durante as etapas eles são acompanhados bem de perto pelos líderes e também passam por aconselhamento pastoral, onde são direcionados a cada passo: sentimentos, santidade e pecado, conhecimento pessoal, emocional, afinidades e desacordos, proximidade familiar, projetos estudantil, formação profissional, sexualidade, formação e acompanhamento familiar”, explica o pastor.
Apesar de não ser contra o namoro de corte, Avelino Jr. acredita que o tempo de oração não permite que os jovens sejam enganados pelos próprios sentimentos e cita a passagem de Jeremias 17:9 : ‘Enganoso é o coração, mais do que todas as coisas, e perverso; quem o conhecerá?’. Sendo assim, converso com as partes interessadas a namorar e estabeleço um período através da observância comportamental e do histórico da vida, que varia dentre três meses a três anos”.



Tempo escolhido por Deus
A jovem Beatriz Lima, membro da sede da igreja Bola de Neve, em São Paulo (SP), está vivendo o “tempo de oração” e acredita que esta é a melhor forma de entender que Deus está no controle da situação.
“Há um pouco mais de um ano teve a Conferencia Profética no Bola e nesse dia conheci o Tico. Como ele mora no interior de São Paulo, procurou o líder do ministério que participo para pedir a ‘permissão’ para estar me conhecendo melhor, trocando e-mail, msn etc. Depois de um ano nos conhecendo e sendo acompanhados pelo pastor da cidade dele e pelos meus líderes de São Paulo, nos reencontramos na conferencia de 2009 e no último dia do evento o pastor conversou com a gente, determinando assim um período de um ano para orarmos”, narrou a jovem.
“O tempo de oração é um período de buscar do Senhor um direcionamento e uma confirmação desse sentimento que está nascendo em nossos corações. Por tal motivo, creio que é de extrema importância esse tempo estabelecido por um líder, até porque a Palavra diz em Romanos 13.1 que não existe autoridade que não proceda de Deus e as autoridades que existem foram por ele instituídas, sendo assim, acredito que este é um tempo, antes de tudo, escolhido por Deus. Independente do que aconteça, sabemos que a vontade do Senhor é boa, perfeita e agradável, e seus planos são muito maiores que os nossos”, afirmou Beatriz.

Regras ou pressão?

O pastor presbiteriano André Lima, missionário do Jovens da Verdade do Ceará, não concorda com nenhuma das abordagens citadas. “Acredito que é importante que os líderes coloquem algumas regras e deem algumas orientações, mas quando a gente impõe regra demais, acaba virando algo legalista. Como o namoro é para se conhecer, não podemos colocar muito peso sobre o adolescente e o jovem, devemos orientar para que ele aproveite esse tempo para conviver, fortalecer um relacionamento de amizade”.
Para Lima, que faz parte da diretoria nacional da Associação Evangélica de Acampamento (AEA-CCI-Brasil) e tem se dedicado ao trabalho com jovens e adolescentes, algumas práticas são invasivas e podem estimular outras áreas, inclusive a sexual. O pastor também acredita que o “namoro de corte” não livra o casal de desejos carnais. “Os jovens lutam intensamente para não cair na tentação carnal, mesmo com toda a sensualidade que é exposta diariamente. É muito mais importante você caminhar com eles do que lhes impor um peso. Vale mais mostrar que Deus é amor, é liberdade; e expor a possibilidade de esperar a hora certa, o tempo certo, e focalizar na sexualidade positiva. ao invés de seu aspecto negativo”, afirmou.
“Existem três áreas da vida que o jovem tem que tomar uma decisão importante. A primeira é a decisão por Jesus, a segunda é na área profissional e a terceira é ‘com quem vou namorar e me casar’. Essa última é a área que traz mais desgaste porque envolve a necessidade física de se apaixonar por alguém. Eu aconselho que eles busquem no Senhor, em oração, conhecer, fazer amizade com as pessoas, através de acampamentos e eventos cristãos, e comecem a namorar sem muita pressão”, disse André.

Tornando-se um jovem vencedor

"Rogo-vos, pois, irmãos, pelas misericórdias de Deus, que apresenteis o vosso corpo por sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional. E não vos conformeis com este século, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que experimenteis qual seja a boa, agradável e perfeita vontade de Deus."Romanos: 12: 1 e 2

Você tem uma escolha a fazer. Ou você é um jovem vencedor, da melhor qualidade, ou é um jovem derrotado e mundano. Jovens mundanos buscam sempre em primeiro lugar sua satisfação pessoal; são salvos, mas são extremamente egoístas. Suas orações giram em torno do que Deus pode fazer por eles, querem usar Deus para os seus propósitos pessoais em vez de serem usados por Deus para os propósitos D’Ele. Os jovens vencedores em contrapartida sabem que foram criados para um propósito, para uma missão. Acordam de manhã na expectativa de Deus poder usá-los naquele dia. São jovens que contagiam as pessoas ao seu redor, com sua fé e confiança em Deus. Que tipo de jovem você quer ser?

Para se tornar um jovem vencedor é preciso mudar a mentalidade e atitudes. E tudo começa mudando a mentalidade egoísta pela mentalidade altruísta. Comece pedindo ao espírito Santo que o ajude a perceber as necessidades das pessoas ao seu redor, principalmente as necessidades espirituais. Faça o que tem que ser feito por elas, seja servo das pessoas como Cristo nos ensinou. Outra coisa, substitua o pensamento imediatista pelo pensamento com perspectiva eterna. Isso vai evitar que dê importância excessiva a questões pequenas e o ajudará a distinguir entre o urgente e o eterno. Não troque sua vida por coisas temporárias, mas invista sua vida em vidas, invista sua vida em cumprir os propósitos de Deus. Por último, pare de pensar em desculpas para não servir a Deus e comece a pensar em formas de cumprir o Seu propósito. Você nasceu para adorar, viver em comunhão, ser semelhante a Jesus, servir as pessoas e exercer o ministério da reconciliação.

Qual dessas desculpas você tem usado nestes dias para não cumprir a vontade de Deus? Jacó era inseguro, José foi maltratado, Moisés gaguejava, Gideão era pobre, Davi teve um monte de problemas familiares, Pedro era explosivo, Zaqueu era indesejado pelas pessoas, Tomé tinha dúvidas, Paulo tinha saúde fraca e Timóteo era tímido. Aí está uma variedade de pessoas cheia de imperfeições e desajustes, mas Deus usou cada um deles para cumprir o Seu propósito.

DO SENHOR PROCEDE NOSSOS FRUTOS