SEJAM
BEM-VINDOS


25 de ago de 2010

Ser Radical

A palavra "radical" é derivada de "raiz". Ao pensarmos em raízes, logo associamos isto a plantio, terreno e, finalmente, sementes. Lucas 8:1 a 15 - A parábola do semeador - mostra-nos a importância do terreno no qual serão lançadas as sementes, analogia acerca da Palavra de Deus e o coração do homem. Consideremos quatro aspectos do que vem a ser este "ser radical": a semente, o terreno, a raiz e o fruto. Para tanto, tenhamos a visão do povo como "árvores plantadas".

Tudo começa com a semente. Assim é a Palavra do Senhor, ela é a semente que, quando lançada, germinará e perdurará, de acordo com as condições disponíveis para seu cultivo. Pense então da seguinte forma: Em que tipo de terreno estamos plantados?
"Ele é como árvore plantada junto a corrente de águas, que, no devido tempo, dá o seu fruto, e cuja folhagem não murcha; e tudo quanto ele faz será bem sucedido." Salmo 1:3
Este salmo mostra-nos claramente como deve ser o lugar onde devemos estar plantados. Vamos analisá-lo:

Fruto no tempo certo: Há o tempo de Deus para frutificarmos. É necessário termos esta consciência afim de que não assumamos cargas que não são nossas, nem tampouco deixemos de lado a responsabilidade de sermos úteis e indispensáveis à missão a nós confiada.

As folhas não murcham: De acordo com a ciência botânica, as folhas têm a função vital da "respiração". Elas são responsáveis pela saúde de toda a erva, e desta forma também pelo tempo de vida da mesma. Aquele que está no lugar certo em Deus tem um manancial de vida em si, e não deixa de enviar o "combustível" responsável pela conservação e preservação de suas raízes, garantindo desta forma a saúde de toda a planta, e a produção dos frutos.

Será bem sucedido: Refere-se à falta de necessidade, de carência de qualquer tipo. Uma prosperidade coerente, onde temos aquilo de que necessitamos para nossa subsistência e além disto, condições de abençoar outros menos favorecidos. Uma realidade de vida que, nem sempre, conta com muitas riquezas materiais, mas obtém sucesso em suas ações, decisões, acertos nos riscos diários e principalmente, tesouros espirituais nas regiões celestes.

"Bendito o homem que confia no SENHOR e cuja esperança é o SENHOR. Porque ele é como a árvore plantada junto às águas, que estende as suas raízes para o ribeiro e não receia quando vem o calor, mas a sua folha fica verde; e, no ano de sequidão, não se perturba, nem deixa de dar fruto." Jeremias 17: 7 e 8
Este texto mostra-nos uma árvore plantada num fundamento perfeito, onde é abastecida de todas as condições propícias para prosperar. Não vemos outra forma de associar este fundamento senão com Jesus Cristo. Um dos maiores erros que cometemos na nossa jornada cristã é nos firmarmos em fundamentos enganosos, tais como; doutrinas, posturas, modelos, intenções, etc. Firmar-se nestas coisas gera a religiosidade, que é justamente pegarmos aquilo que vem de Deus e colocarmos dentro de um molde, um padrão humano. Fundamento não é um modelo, é caminhar inspirado pela vida de Jesus e na Sua perfeita vontade. Ele é o terreno úmido, onde há vida.

No processo de fotossíntese, a árvore puxa da terra a água e os sais minerais responsáveis pela sua subsistência. A água representa a Palavra de Deus. A Palavra por sua vez é traduzida como Poder. Este poder é aquilo que transforma nossas atitudes, que faz-nos sermos renovados em todos os aspectos, do velho homem para o homem espiritual.

Como todo ser vivente, a árvore também é acometida por momentos de tribulação. Vêm os períodos de seca, as tempestades, as geadas, e o que determina se ela sobreviverá é, além da profundidade de suas raízes, a sua localização. O fato de estarmos plantados junto aos ribeiros faz-nos suportar os períodos secos.
"Junto ao rio, às ribanceiras, de um e de outro lado, nascerá toda sorte de árvore que dá fruto para se comer; não fenecerá a sua folha, nem faltará o seu fruto; nos seus meses, produzirá novos frutos, porque as suas águas saem do santuário; o seu fruto servirá de alimento, e a sua folha, de remédio." Ezequiel 47:12

Em resumo, o melhor lugar onde podemos estar plantados é no lugar onde Deus nos coloca. Ele é a fonte das águas que regam nossa existência e proporcionam as condições favoráveis a fim de que demos frutos que permaneçam. Pode ocorrer de Deus nos colocar em situações inimagináveis, pois Ele é um Deus dinâmico e suas águas estão sempre se renovando, precisamos porém estar certos de que Ele sabe do que necessitamos e de como produziremos com eficácia.

Nenhum comentário: