SEJAM
BEM-VINDOS


18 de abr de 2010

Em dúvida para escolher sua profissão?????


Farmácia
O que é ser farmacêutico?
Profissionais que identificam e manipulam substâncias químicas para a produção de medicamentos e cosméticos. Colaboram também na produção e na conservação industrial de alimentos, comuns ou dietéticos, campo que vem sendo ocupado cada vez mais por bioquímicos ou farmacêuticos bioquímicos.

Características necessárias para ser um farmacêutico?
Interesse por química, biologia e pesquisa. Capacidade de observação, atenção aos detalhes, concentração, dedicação, acuidade olfativa e visual; disciplina, curiosidade, método, habilidade numérica e manual. Outras que poderão ajudar muito: detalhista, boa visão e olfato, capacidade de concentração, ter curiosidade, espírito de investigação!

Principais atividades de um farmacêutico
O farmacêutico pesquisa, prepara, distribui e comercializa remédios, cosméticos e produtos de higiene pessoal. Investiga, examina e testa substâncias e princípios ativos que entram na composição de remédios e em produtos higiênicos e de perfumaria, observando as reações que provocam no organismo, esta função geralmente é atribuída para profissionais que atuam no setor público. Registra novas drogas e verifica se os produtos chegam ao consumidor dentro das normas e padrões sanitários. Na indústria alimentícia, controla a qualidade das matérias-primas e do produto final, estudando e estabelecendo métodos para evitar e detectar adulterações e falsificações, a fim de impedir danos à saúde pública. Em farmácias, distribui medicamentos e prepara fórmulas personalizadas. Pode se especializar em áreas como:

Alimentos - É responsável pela realização de exames químicos e microbiológicos para análise de aspectos nutricionais; acompanhamento do processo de fabricação de alimentos, incluindo o seu desenvolvimento e o seu controle de qualidade.
Análises Clínicas - Realização de testes em laboratórios para diagnósticos clínicos; desenvolvimento e produção de kits para exames laboratoriais.
Análises Toxicológicas - É responsável pela realização de exames em substâncias humanas, animais e vegetais, alimentos ou em ambientes, com a finalidade de detectar a contaminação por agentes tóxicos (drogas, medicamentos ou substâncias químicas em geral).
Farmácia - Preparação de medicamentos de acordo com prescrição de profissionais da área de saúde. Atua no controle e distribuição de remédios.
Medicamentos - Desenvolve pesquisas nas industrias farmacêuticas com o intuito de descobrir novas drogas.
Vigilância Sanitária - Cuida da análise e controle de produtos industrializados de acordo com as normas vigentes de comercialização.

Mercado de trabalho
O mercado oferece boas perspectivas no setor privado, especialmente para o profissional que atua nas indústrias farmacêuticas e de cosméticos. Esta última cresceu muito na última década. Mas o crescimento da demanda por farmacêuticos está relacionado, também, com a exigência da lei para os estabelecimentos farmacêuticos contratarem esse profissional, com o objetivo de evitar fraudes e garantir a qualidade dos produtos.



Fonoaudiologia
O que é ser fonoaudiólogo? Profissionais da área da saúde que atuam na promoção, prevenção e adequação da comunicação oral e escrita, voz e audição e funções de mastigação, deglutição e respiração. Além de prevenir o desenvolvimento da doença, o fonoaudiólogo pesquisa e avalia suas possíveis causas para depois aplicar a terapia capaz de curá-la. Ele trabalha com indivíduos de todas as idades, desde o recém-nascido até o idoso.


Características necessárias para ser um fonoaudiólogo?
É preciso sensibilidade, capacidade de interpretação e análise, atenção concentrada e perseverança. Além disso é importante que tenha capacidade de interpretação e análise, habilidade de comunicar-se e lidar com o público, interesse por questões sociais, paciência, objetividade e criatividade! Principais atividades de um fonoaudiólogo Pode exercer atividades clínicas, de docência, pesquisa, realizar atividades administrativas e de assessoria/consultoria fonoaudiológica. Estuda e trata dos problemas da fala, da audição, da escrita e da leitura, com o uso de técnicas e métodos específicos. É considerado o terapeuta da voz, da fala, da audição e das linguagens oral e escrita. Trata de distúrbios como surdez, mudez, gagueira, problemas de dicção e outros. Para isso, faz exames, diagnósticos e desenvolve programas terapêuticos para cada caso. Este profissional pode atuar em áreas tais como:
Audiologia - é o campo da fonoaudiologia voltado para promoção, prevenção, diagnóstico e reabilitação da função auditiva e vestibular, incluindo estudo e pesquisa. O objetivo principal da audiologia é garantir a comunicação e a qualidade de vida do indivíduo por meio da otimização de suas habilidades auditivas.
Linguagem - Linguagem é o campo da fonoaudiologia voltado para o estudo, pesquisa, promoção, prevenção, avaliação, diagnóstico e tratamento de transtornos a ela relacionados, a fim de garantir e otimizar o uso das habilidades de linguagem do indivíduo, objetivando a comunicação e garantindo bem estar e inclusão social.
Motricidade Orofacial - é o campo da fonoaudiologia voltado para o estudo, pesquisa, prevenção, avaliação, diagnóstico, desenvolvimento, habilitação, aperfeiçoamento e reabilitação dos aspectos estruturais e funcionais das regiões orofacial e cervical.
Voz - é o campo da fonoaudiologia voltado para o estudo e a pesquisa da voz, a promoção da saúde vocal, a avaliação e o aperfeiçoamento da voz; assim como a prevenção, o diagnóstico e o tratamento das alterações vocais, quer sejam na modalidade de voz falada como na voz cantada.
Saúde Coletiva - Saúde Coletiva é o campo da Fonoaudiologia voltado à construção de estratégias de planejamento e gestão em saúde, no campo fonoaudiológico, com vistas a intervir nas políticas públicas, bem como atuar na atenção à saúde, nas esferas de promoção, prevenção, educação e intervenção, a partir do diagnóstico de grupos populacionais.

Mercado de trabalho
Fonoaudiólogos podem atuar em empresas, hospitais, escolas e instituições, embora a clínica fonoaudiológica ainda seja a preferência da maioria. Muitos profissionais que utilizam a voz profissionalmente (cantores, jornalistas, repórteres, políticos, operadores de telemarketing, entre outros) consultam um fonoaudiólogo regularmente. Outras oportunidades são oferecidas no campo da segurança e da medicina do trabalho, inclusive porque a legislação trabalhista determina a realização de exames audiológicos nos trabalhadores expostos a ruídos. O fonoaudiólogo trabalha em parceria com vários profissionais, dentre eles: médicos otorrinolaringologistas, cirurgiões de cabeça e pescoço, pediatras, neurologistas, bem como psicólogos, fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais e dentistas.

Enfermagem
O que é ser enfermeiro?
Profissional que zela pelo bem estar e saúde de pacientes auxiliando o médico quando necessário, e dando toda a assistência física e psicológica a esses pacientes e suas famílias. Ele é responsável por seguir a prescrição médica e se certificar de que o tratamento está sendo seguido corretamente.

Características necessárias para ser um enfermeiro?
Primeiramente, é preciso gostar de cuidar do próximo. Os enfermeiros são profissionais muito importantes no tratamento de enfermidades, pois são eles que acompanham periodicamente o tratamento do paciente. Além disso, o enfermeiro precisa saber que seu trabalho não é apenas técnico, mas, sobretudo, humano. Esse profissional deve ter sempre uma palavra de conforto, ou simplesmente ouvir o paciente. Algumas características desejáveis: desejo de cuidar do próximo, ter responsabilidade com horários, facilidade ao lidar com emoções, habilidade para reconhecer novas idéias que melhorem a qualidade de vida das pessoas, facilidade na comunicação, hábil e seguro com instrumentos cortantes!

Principais atividades de um enfermeiro
Auxiliar o médico em tarefas como: dar pontos, aplicar injeções, medir a pressão, medicar, fazer curativos, remover o paciente, etc. Acompanhar o doente nos hospitais e postos de saúde. Cuidar de pessoas que estendem o tratamento para suas casas, como nos casos chamados de homecare
Dar assistência física e fazer companhia a pessoas idosas. Atuar na área administrativa da equipe de enfermeiros, coordenando os trabalhos a serem seguidos.
Podem se especializar em: atuar como integrante da equipe médica de um hospital, da área de saúde de empresas, acompanhar pacientes em fase de tratamento domiciliar e trabalhar em laboratórios junto a farmacêuticos. Também, pode trabalhar junto ao governo em programas de saúde e equipes que fazem a vigilância sanitária de empresas, escolas e outros estabelecimentos comerciais.

Mercado de trabalho
O profissional de enfermagem, ao contrário do que muitos pensam, não encontra mercado de trabalho somente dentro dos hospitais ou postos de saúde. Ele pode atuar como integrante da área de saúde de empresas, cuidar de pessoas em tratamento em casa e em laboratórios junto aos farmacêuticos na elaboração de implementos científicos que melhorem a eficácia dos tratamentos médicos. Também, pode atuar em programas como o Saúde da Família e em equipes que façam a vigilância sanitária de empresas, escolas e outros estabelecimentos comerciais.


Medicina
O que é ser médico?
A saúde humana é o objeto de estudo do médico. Este profissional pesquisa e trata disfunções e moléstias, escolhendo os melhores procedimentos para preveni-las e combatê-las. Tendo um conhecimento aprofundado dos órgãos, sistemas e aparelhos do corpo humano, faz diagnósticos, pede exames, prescreve medicamentos e realiza cirurgias. Também pesquisa novas drogas, equipamentos, e participa de programas de prevenção e de planejamento da saúde coletiva. Profissional que serve à comunidade, auxilia na prevenção e cura de doenças. Um Médico deve proporcionar melhor qualidade de vida e bem estar físico, mental e social do indivíduo. Serve com apoio a alguém e ajuda resolver seu problema por meio de orientação, medicação ou cirurgia.

Características necessárias para ser um médico?
Uma pessoa que pretende seguir a carreira da medicina precisa acima de tudo gostar de estudar e ler, pois para ser médico é necessário passar por um longo período de estudos. Lidar com a vida humana requer um senso de responsabilidade e espírito solidário, também ser uma pessoa decidida, ter visão do todo, ter bom relacionamento social e sem receio da proximidade física, além de diversas outras características que garantem a saúde pessoal e coletiva da comunidade.
Será interessante apresentar outras características, tal como: autoconfiança, autocontrole, capacidade de decisão, capacidade de lidar com a visão de sangue e de pessoas acidentadas, capacidade de pensar e agir sob pressão, interesse pelas ciências e pelo corpo humano, paciência e equilíbrio emocional!

Principais atividades de um médico
De forma geral, independente da especialidade, os médicos desempenham as seguintes funções:
receber e acompanhar clientes em consultórios, hospitais, clínicas, empresas, residências e em locais de urgência; conversar com o paciente para ouvir sua história médica, queixas e descrição dos sintomas; examinar, auscultar e apalpar o paciente para fazer o diagnóstico; realizar exames específicos da sua área de atuação como eletroencefalograma, eletrocardiograma, ultra-sonografia de determinados órgãos, vacinas de alergia; requisitar e analisar exames complementares de raios X, laboratoriais e de materiais colhidos pelo próprio médico como amostras de pele e de secreções; encaminhar pacientes a profissionais de outras especialidades, quando apropriado; prescrever medicamentos, tratamentos e sugerir mudanças de comportamento como parar de fumar, seguir determinada dieta e programa de exercícios, que podem contribuir para a cura ou melhora do paciente; manter contato freqüente com outros especialistas que sejam necessários no tratamento de determinadas doenças;
preparar o cliente para cirurgias; realizar ou acompanhar cirurgias e tratamentos de todos os tipos dentro de sua especialidade, algumas dentro do próprio consultório; acompanhar o cliente em pós-operatórios; emitir atestados e pareceres; coordenar e supervisionar o serviço de enfermagem.
Pode se especilaizar em diversas áreas, aqui citaremos algumas:
Anestesiologista - médico especializado na aplicação e uso de anestesia para diversos fins;
Cancerologista / Oncologista - médico especializado no estudo e tratamento de tumores;
Cardiologista - médico que se ocupa do diagnóstico e tratamento das doenças que acometem o coração bem como os outros componentes do sistema circulatório;
Clínico Geral - profissional que faz tratamento clínico de doenças diversas e, se necessário, encaminhamento para tratamentos específicos com especialistas;
Dermatologista - profissional que se ocupa do diagnóstico e tratamento clínico-cirúrgico das doenças que acometem o maior órgão do corpo humano, a pele;
Gastroenterologista - profissional que se ocupa do estudo, diagnóstico e tratamento clínico das doenças do aparelho digestivo;
Geriatra - médico que enfoca o estudo, prevenção e tratamento das doenças e da incapacidade em idades avançadas;
Ginecologista e Obstetra - Ginecologia é a especialidade que trata de doenças do sistema reprodutor feminino, útero, vagina e ovários. A obstetrícia é o ramo da medicina que estuda a reprodução na mulher, investiga a gestação, o parto e o período pós-parto nos seus aspectos fisiológicos e patológicos;
Neurocirurgião - médico que se ocupa do tratamento de patologias do sistema nervoso central e periférico passíveis de abordagem cirúrgica;
Neurologista - profissional que estuda o sistema nervoso central, periférico, suas relações e os seus transtornos;
Oftalmologista - profissional que investiga e trata as doenças relacionadas com a visão e com os olhos e seus anexos;
Ortopedista e Traumatologista - a Ortopedia é a especialidade médica que cuida das doenças e deformidades dos ossos, músculos, ligamentos, articulações, enfim, relacionadas ao aparelho locomotor. A Traumatologia é a especialidade médica que lida com o trauma do aparelho músculo-esquelético;
Otorrinolaringologista - a otorrinolaringologia é considerada uma das mais completas especialidades médicas, com características clínicas e cirúrgicas. Seu campo de atuação envolve as doenças do ouvido, do nariz e seios paranasais, faringe e laringe;
Patologista - proofissional que estuda as doenças em geral sob aspectos determinados. A patologia envolve tanto a ciência básica quando a prática clínica, e é devotada ao estudo das alterações estruturais e funcionais das células, dos tecidos e dos órgãos que estão ou podem estar sujeitos a doenças;
Pediatra - médico dedicado à assistência à criança e ao adolescente, nos seus diversos aspectos, sejam eles preventivos ou curativos;
Pneumologista: médico que se ocupa do estudo das doenças pulmonares e do tratamento do sistema respiratório;
Psiquiatra - profissional que lida com a prevenção, atendimento, diagnóstico, tratamento e reabilitação das doenças mentais, sejam eles de cunho orgânico ou funcional, tais como depressão, doença bipolar, esquizofrenia e transtornos de ansiedade. Uma doença ou problema psíquico pode ser tratado através de medicamentos ou várias formas de psicoterapia;
Radiologista e Diagnóstico por Imagem - profissional que estuda órgãos e/ou estruturas através da utilização dos raios-x, envolvendo um processo de revelação. Diagnóstico por imagem é uma especialidade médica que se ocupa do uso das tecnologias de imagem para realização de diagnósticos.

Nenhum comentário: